007 espaço sideral

Postado em 11 de set de 2013 / Por Marcus Vinicius

Se você fosse um alienígena enviado para a Terra com o intuito de espionar os habitantes locais para uma futura colonização (ou imigração, vá lá) e se deparasse com:

Os grupos pró e anti Marco Feliciano, uma passeata contra a aposentadoria de um cantor de trio elétrico, uma multidão que sai na rua sem saber porque, criminosos condenados escrevendo colunas nos jornais reclamando da sentença ou exercendo mandatos de deputado, governos há mais de uma década no poder dizendo que "não se faz nada do dia para a noite".

Sem contar também com caixas de comentários de sites de notícia, trocas de mensagens no Facebook, tuitadas, programas de auditório na TV, memes que circulam pela internet, sub-celebridades seguidas por paparazzis que depois noticiam coisas importantes como "ele tomou sorvete" ou "ela depilou o buço".



E ainda: jogadores de futebol e pagodeiros ganhando mais do que médicos e engenheiros, um país que aboliu a escravidão há mais de 100 anos aceitando alugar pessoas (médicos) como se fossem mercadoria, gente que diz que quer "democratizar" as coisas (meios de comunicação, jornais, a internet, a canja de galinha da sua avó) mas que na verdade quer é censurar, feminazis brigando contra o "fiu-fiu" ao mesmo tempo em que defendem que mulheres saiam sem blusa na rua, pastores evangélicos presos por estupro, um moleque fazendo um vídeo gritando "mamilos" e com isso virando celebridade nacional.

Fora o resto.

Será que esse alienígena recomendaria contato com um planeta assim ou, por medo de ser algo contagioso, diria para a sua espécie manter distância segura desse lugar, instalando até uma cerca elétrica no espaço sideral, se for possível?

No lugar dele eu sei que ficaria bem amedrontado de me esquecerem para trás na fuga.

Seja o primeiro a comentar!

 
Template Contra a Correnteza ® - Design por Vitor Leite Camilo