Academia? Leia antes de usar

Postado em 21 de ago de 2009 / Por Marcus Vinicius

Um dia desses eu estava na academia e vi um casalzinho transformando o cross over em marquise de mendigos, sabe como é?Eles ficam ali se beijando, transando na rua com as pessoas passando como se não houvesse amanhã.

OK, os pombinhos não transaram, talvez porque estivessem usando a academia só para as preliminares, mas pensei logo que aquilo "não era de bom tom". Daí a elaborar um conjunto de comportamentos estereotipados que são o mico in totum não foi difícil (quem frequenta academia sabe).

As regrinhas viraram uma sequência de posts no Twitter e renderam boas risadas. Como a limitação de 140 caracteres é meio (meio?) castradora, resolvi fazer este post, com o incentivo do (da?) Pirulito de Banana (vamos combinar?Fica muito estranho se referir a alguém com esse apelido), então lá vai:

Regrinhas básicas de etiqueta para quando você resolve largar a preguiça de lado e ir ao "gym":
  1. Como seria óbvio, o primeiro conselho é: Ficar beijando, se esfregando e/ou fazendo exame ginecológico/urológico com a(o)namorada(o) não é bonito.
  2. Não existe "metrosexual", isso é coisa de Laura de Vison presa no armário, então, ficar se olhando no espelho como se seu sonho de consumo fosse um sósia inflável é auto-viadagem, evite.
  3. Se te sobram banhas demais,experimente não usar tecido de menos. Eu sei que você gastou um dinheirão comprando aquele conjunto estiloso na lojinha da academia, mas lembre-se: se ao usa-lo algo balançar demais, pular demais ou esticar demais, fica feio e meio que choca quem olha.
  4. Agora um ponto nevrálgico da convivência em academias: os reprodutores de mp3. Aquilo vem com um fone de ouvido, certo? Vem de fábrica assim por um motivo: para que só você ouça o que está tocando. Colocar seu som predileto no iPod e cantar mais alto que os fones que estão no seu ouvido é chato, incomoda e te faz pagar um certo mico. Celulares com alto-falantes e músicas funk/axé incluem-se nesse quesito.
  5. Abadá já é um erro desde a tecelagem do pano que faz aquele treco. Aquilo não é roupa, é ingresso e atestado de mau-gosto. Mas já que você não tem apreço pelo estilo, por boa música e não se importa em trocar saliva com milhares de outros axezeiros em beijos cruzados, pelo menos evite ir com aquela coisa para a academia. Acredite: não fica legal.
  6. Se o seu "colega" está levantando 100 quilos no supino talvez não seja uma boa hora para fazer piadinhas com ele, puxar assunto ou desviar a atenção do cara. Lembre-se: ele não te admirará mais porque se machucou com uma barra caindo na testa.
  7. Eu sei que academias são cheias de gostosas, que você adoraria ser o "cara dos sonhos" delas. Também estou ciente que essas gatas de academia gostam mesmo é de sujeitos estilo remador de porta-aviões, mas não tente impressiona-la colocando mais peso do que você aguenta. Primeiro porque a única coisa que irá crescer será seu saco rendido, depois porque um sujeito estatelado no chão, cheio de anilhas em cima e com a cueca aparecendo não é exatamente uma visão sexy. Evite ser personagem de um quadro desses.
  8. Troque de roupa de um dia para o outro. É isso mesmo! Usar a mesma camisa a semana inteira é nojento. Sei que o Stallone e o Van Damme não aparecem lavando roupa nos filmes, mas na vida real suor fede e ainda que você não sinta o seu próprio "kefe", creia em mim: os outros sentem.
  9. Se você é aquela moça voluptuosa e seus amigos dizem na sua cara que você é gostosa, e a sua forma física se assemelha à daquelas modelos de folhinha de borracharia e você não deseja ser encarada ou escorregar em poças de baba, procure não ir malhar com aquela calça de ginástica que a sua irmã de 12 anos usa pra fazer educação física no colégio. Vai por mim: facilitará o processo de fugir das cantadas de pedreiro e olhares de serial killer.
  10. Por falar nisso, cantada de pedreiro na academia merece uma anilha de 35kg enterrada na testa.
  11. Eu sei que tal qual o artista que vai até onde o povo está, olhos masculinos caminham sozinhos na direção de um belo derriere, mas que tal ser um pouco discreto e não pular praticamente dentro do cofrinho da moça que faz agachamento na sua frente? Olhe, mas faça de conta que a sua namorada está por perto, ou seja, disfarce!
  12. Tente não bancar o "amigão" e evite chamar aquele cara que você não conhece de "frango". Não se esqueça: o frango pode não ter senso de humor e, ao invés disso, possuir um 38, pegar o milho e te dar um pipoco.
  13. Terminou de treinar? Vai pra casa! Academia não é clube e se você quer "falar sobre a sua vida" lembre que os psicólogos também precisam alimentar a família.
  14. Se não aguenta o peso, diminua. É hilário ver uma pessoa fazendo supino e outra fazendo rosca biceps ao mesmo tempo, só pra ajudar o "colega" a levantar um peso que ele não aguenta. A máxima é: não aguenta? vai fazer balé!
  15. Finalizando: personal é o c*! Não é porque você paga rios de dinheiro para ter uma babá na academia que te dá o direito de furar fila nos exercícios, desarrumar os pesos dos outros e agir como se fosse a Madonna no seu "gym" particular. A maioria das pessoas não diz nada mas intimamente estarão desejando que você se...bem, você entendeu.
É isso, espero ter contribuido para uma convivência melhor entre os marombeiros habituais e ocasionais de todo o mundo, e lembrem-se: aceito mais sugestões para a listinha, pode falar aí!

6 Comentários:

Fernanda Eggers postou 21 de agosto de 2009 09:26

Pena que quem faz essas coisas não é muito adepto do hábito da leitura... E ainda bem que tem certas coisas nessa lista que eu ainda não vi! (E espero continuar sem ver...)

DiegoHenrique postou 21 de agosto de 2009 10:13

Já postei algo parecido no meu blogue. Dá uma olhada:
http://ocudacutia.blogspot.com/2009/05/dia-dia-na-malhacao.html

Saudações Palestrinas,MV!

Helen Fernanda postou 21 de agosto de 2009 11:08

Gostei. Nunca frequentei academia, mas se um dia eu o fizer, vai ser uma daquelas só para mulheres. Creio que assim vou evitar a maioria das situações constragedoras supracitadas. =)

M. Souto postou 21 de agosto de 2009 13:37

Por isso frequento de manhã bem cedo.
A maioria é senhoras de idade.
Sem olhares, sem cantadas, sem fedor... Só paz, seu som e sua ginastica! Quer coisa melhor?

Isabel postou 21 de agosto de 2009 14:20

e tem aqueles que estão usando um aparelho mas já reservam o seguinte, e ai de quem tentar usar... ainda terão que ouvir aquele "peraí que eu tô aí"... rsss

Maite postou 27 de agosto de 2009 11:02

Nossa, mto bom... E o pior, é que é tudo verdade... Mas também é mto engraçado... Afinal o que seria de nós se não tivéssemos essas pessoas para morrermos de rir??? A vida precisa de alegria e mtas vezes para essa alegria existir precisamos de pessoas inconvenientes para nos divertir...
hahahahahaha... amei seu texto mto bom!!
;)

 
Template Contra a Correnteza ® - Design por Vitor Leite Camilo