Eu lembro do IRC

Postado em 4 de fev de 2010 / Por Marcus Vinicius

Esses dias eu estava procurando notícias sobre futebol até que caí no portal de um antigo canal de IRC sobre o Palmeiras, que eu pensava que já nem existia mais desde o fim da BrasNet.

Percorrendo o tal site, encontrei ali uma janelinha que levava ao chat do IRC. Cliquei mais pela curiosidade mórbida de ver a janelinha avisar que não existia mais vida ali, mas não é que a surpresa foi outra?

Pra quem não viveu a época dos sites em HTML cheios de gifs animados, a conexão discada, o modem barulhento, o pulso único após a meia-noite e o pré-inclusão digital, explico como era: segundo a Wikipedia, o IRC (Internet Relay Chat) "é um protocolo de comunicação utilizado na internet basicamente como bate-papo e para troca de arquivos, permitindo a conversa em grupo ou privada".

Ainda segundo dados facilmente coletados por aí, o IRC chegou a ser um dos 10 aplicativos mais populares de toda a internet, contabilizando mais de 150 milhões de downloads.

Históricos-xarope à parte, o programinha funcionava basicamente assim: você baixava o cliente (que poderia ser simples como o mIRC ou turbinado como eram os famosos scripts, que te permitiam enviar desde imagens em ASCII para as janelas de chat tanto públicas quanto privadas e também mensagens pré-programadas, sons, quizzes e os temidos "nukes", que consistiam em derrubar alguém da internet, e até invadir o computador alheio).

Como podem notar, o IRC podia ser tanto uma excelente diversão quanto uma baita dor de cabeça, pois era território livre para tudo quanto é tipo de exu virtual.

Como tudo na internet, no início era coisa de "nerd", pois todo mundo usava mais os chats baseados em páginas HTML como o do UOL, mas com o tempo o IRC foi se popularizando, até se tornar uma espécie de Orkut dos chats.



Usávamos redes estrangeiras como a Undernet ou a Dalnet. Surgiram também a Brasnet e a Brasirc, que concentravam a maioria dos usuários do país.

Alguns canais, que eram identificados utilizando sempre o símbolo "#" na frente dos seus nomes (a forma de "entrar" neles era digitando o comando /join #nomedocanal), como o #Brasil ou o #Rio, chegavam a receber centenas de pessoas toda noite, que passavam a madrugada conversando e paquerando nas janelinhas de PVT (conversa privada).

Quem não se lembra do "Kit IRC" de azaração? "Oi! Tudo bem? De onde tecla?". Ridículo eu sei, mas quem nunca caiu nessa?!

Os chats eram monitorados pelos OPs (operadores) que eram pessoas designadas pelo fundador do canal para kickar (chutar temporariamente) ou banir os usuários que se tornassem inconvenientes e apareciam com uma arroba na frente do @nickname.

Com o tempo é óbvio que tais operadores ficaram mais inconvenientes do que os próprios pentelhos que eles expulsavam, tornando-se pequenos ditadores daqueles mundinhos virtuais. Credito a eles um pouco do fracasso do IRC, pois as pessoas encheram o saco de ter que se submeter às vontades de uns poucos "escolhidos".

Isso e os constantes "lags" (atrasos no envio/recebimento das mensagens) ocasionados pelo aumento gigantesco do número de usuários simultâneos, o que levava as redes inteiras a caírem por vezes, nos famosos "netsplits".

Ataques e superlotação levavam à instabilidade dos servidores e as pessoas foram enchendo o saco disso.

Claro que a internet de banda larga, que popularizou vídeos e streamings de alta velocidade, o MSN que permitia que as pessoas conversassem com mais recursos, o Orkut que levou grande parte do "populacho" que vivia no IRC para lá e o estresse de material que um aplicativo com mais de 10 anos sofre naturalmente contribuiram para que o IRC caísse em desuso, até que a principal rede brasileira, a Brasnet, encerrasse suas atividades.

Tudo passa, tudo tem que passar. Mas dá saudade aquelas madrugadas insones conversando com gente de vários lugares diferentes, as paquerinhas que rendiam encontros memoráveis (tanto no quesito pastelão, quanto no quesito amassos bem dados), os IRContros onde conheci muita gente legal, as trocas de mp3, chegar em casa depois da noitada e entrar ali pra comentar o que rolou com os amigos, enfim, o IRC era muito mais social do que o MSN e muito mais interessante do que o Orkut devido a interatividade que possuía.

Por isso foi legal ver a janelinha do tal site que eu visitei abrir e me jogar dentro de uma antiga sala de chat, agora numa nova rede brasileira de IRC, a Virtualife, e descobrir um monte de canais cheios de gente (não tanto quanto antes, é claro), naquela espécie de resistência ao tempo, naquela volta a um passado muito querido.

Eu lembro do IRC e é muito bom saber que mais um monte de gente lembra também.

12 Comentários:

Filipe postou 4 de fevereiro de 2010 08:03

Netsplit, haha, já cai muito. O MSN Plus usa toda sua codificação baseada no IRC, vide CTRL+B, CTRL+K entre outros! Já fui viciado em IRC. Kkkkkk

Abraços!

jheysonroberto postou 4 de fevereiro de 2010 08:06

nossa isso tem muito tempo ja...mas era bacana conversar, as vezes baixar musicas e ate mesmo canais com jogos ond dependendo do desempenho virava operador e ate mesmo o #op ond todos q entrava era operador. mas saudade mesmo e pouca.

Tayná Ceccon Martins postou 4 de fevereiro de 2010 09:04

Aaaaah eu adorava o mirc. Usava o Scoop e meu, dava meia nte todo mundo ia embora pra se encontrar no mirc. Época mto mto boa. Realmente bem melhor que msn.

Rinaldi postou 4 de fevereiro de 2010 09:08

era uma vez....


e eu odiava quem confundia IRC com mIRC :P "ah, porque eu uso o mirc, e tal" ahhhhhhhhhhh


ô tempo bom que não volta!

V. postou 4 de fevereiro de 2010 10:31

/me adoooora irc.

Dj Neto postou 4 de fevereiro de 2010 10:33

IRC era muito acho melhor que o Orkut usava o dia todo pena que a Brasnet acabou! x(

f41qu3 postou 4 de fevereiro de 2010 10:35

O IRC ainda é muito usuado, e creio que um dia será a forma de comunicação novamente, pois creio que os atuais sistemas de comunicação ainda irão entrar em colapso e todos voltarão ao IRC. =P

Aproveito pra dizer que sou NetAdmin/SuperAdmin do irc.osx86.hu porta 6667, onde temos suporte e news sobre Mac OS X "86" no PC, e suporte e desenvolvimento das ferramentas de unlock do iPhone pelo devteam. Estamos sempre de portas abertas pros usuários dessas áreas e interessados pelo mundo todo.

Abraços e continue com seu ótimo blog.

josi postou 4 de fevereiro de 2010 10:44

e ainda tinham aqueles joguinhos, tipo uma gincana, que ganhava quem respondia mais rápido. hahahhaha! texto saudoso. a #trixx (meu nickname) nasceu e morreu lá.

Seven postou 4 de fevereiro de 2010 11:01

Existe uma campanha recentemente para a volta do IRC. www.twitter.com/voltamirc :D

Denise postou 4 de fevereiro de 2010 16:43

pôoooo que nostalgiaaaaaaaa! Apesar dos malões sem alça dos ops e ircops, o irc era muito bom! Saudades mesmo! hoje em dia não existe mais essa interação que existia naquela época... Não daquele jeito bacana pelo menos.. uma pena hehehehe!!!
bjsss

Beiçola postou 4 de fevereiro de 2010 20:27

pow veio eu era vIRCiado ... ehehe
entrava todo dia as 00:00 com modem discado, e aos sabados apartir das 14h e domingo o dia todo... eu fui op de alguns canais #C7S que era o do meu colegio no qual bateu record de 350 users e tbm do #MSN #Friends #Pracinha entre outros... fiz amizades que tenho ate hoje.. sempre que encontro a galera eles dizem: "Vixe IRContro é?" hehe meu sonho era ser IRCop e op do #Ceara mas tenho fé um dia ele voltará mto r0x o IRC eu usava meu proprio script feito apartir do mIRC eu viajava legal fazendo os addons e toda configuraçao do script durante o dia e na madruga ia la xarlar... sinto mta falta.. espero que volte um dia... a Brasnet era mto limpz.. mo galera entrava ... abs!!! quando voltar ai meu Nick é Reginaldo ou FlashCop heheh muito doidera iuHIUhAIUHI!!

Matheus postou 1 de março de 2010 18:23

Nusss gente, eu adorava o irc, como nosso colega beiçola disse, entrava a 00:00 e ficava até altas horas, contava os minutos pra chegar a meia noite, tinhamos a oportunidade de conhecer mta gente, visto que no msn é complicado, pq sera que o irc acabou né, nós temos que fazer a diferença, vamos unir forças para colocar o irc em evidencia novamente!

 
Template Contra a Correnteza ® - Design por Vitor Leite Camilo