Como sempre ter assunto para escrever num blog ou "emagreça dormindo, se exercite pensando"

Postado em 18 de dez de 2009 / Por Marcus Vinicius

Não. Não tenho nenhuma dica mirabolante para dar. O dia que descobrir como se emagrece dormindo venderei a fórmula e não darei de graça no blog. :P

Mas como não falta por aí quem queira ensinar os outros a blogar, isso me leva a crer firmemente que ninguém tem de verdade uma solução eficaz.

Claro que organizar rankings, listas, publicar tutoriais e utilizar-se de métodos éticos ou não para alavancar visitas, comentários e tornar-se um guarda-chuvas de páraquedistas é uma forma de olhar o problema, mas não tenho a paciência, a tenacidade e a falta de vergonha necessárias para isso, então resolvi deixar passar tão "preciosas" dicas.

Algumas (poucas) pessoas me dizem que escrevo bem. Se descontar minha mãe e mais alguns que por razões sentimentais querem me agradar, acho que sobra uma dúzia ainda, então vou entender que não escrevo pessimamente e seguir adiante com esse texto.

Quando comecei com este blog, estabeleci para mim a tarefa de atualizá-lo diariamente, o que confesso não é fácil. Mas também tenho que dizer, até para não parecer que estou valorizando demais o que faço, que não é nenhum bicho de sete cabeças.

Sabe quando você está num elevador, ponto de ônibus ou fila do check-in e alguém puxa papo contigo (ou você puxa papo) e começa a falar do tempo, passa pela política, termina na sua cor preferida e no que você acha sobre o último chilique da Xuxa?

Pois é. Escrever um blog diariamente, ainda que a meritocracia-informal-relevante diga que não, é mais ou menos isso.

Claro que falar todo dia sobre o mesmo assunto cansa, mas com treino e exercitando a mente (e o estilo), dá pra ser feito.

Assim como exercícios regulares em uma academia de ginástica não começam com pesos de 100kg, ninguém começa escrevendo muito bem e nem aventurando-se demais por assuntos desconhecidos, mas com o tempo e a prática, a coisa vai ficando mais natural.

Você aprende que basta começar um assunto qualquer, como se fosse uma conversa (o que não deixa de ser, tenha você um ou 1 milhão de leitores) e desenvolvê-lo.

Neste exato momento é isso o que eu estou fazendo, por exemplo. ;)

Na minha opinião, pouco difere o método de um colunista de um grande jornal ou um blogueiro de renome, o segredo é disciplina e principalmente: ler muito mais do que se escreve.

A leitura te dará assunto, calibrará sua escrita e abrirá sua mente para coisas que você agora nem pode imaginar.

Óbvio que não sou nenhum marombeiro "de responsa" como a Cora Ronai, o Arthur Xexéo ou mesmo a Fernanda Lizardo, cada um com seu tema e estilo, mas também não sou nenhum fracote que não consegue levantar nem um pesinho de 1kg.

Um aspirante a cronista não pode ter pudor jamais de ousar, de explorar novos assuntos e também, como dizia o mestre Nelson Rodrigues, de ter um estoque de dois ou três personagens e assuntos chave para recorrer sempre que lhe falte inspiração.

De resto é treino. Não existe fórmula mágica e assim como não dá pra emagrecer dormindo, você muito menos conseguirá pensar sem se exercitar.

Comece já!

17 Comentários:

Solange Baumer postou 18 de dezembro de 2009 07:47

Mas você há de concordar que existe um "algo mais" em certas pessoas que parecem uma metralhadora giratória,misturando crítica e bom humor em doses perfeitas,a ponto de cativar até o mais lerdo dos leitores.Sem ser puxa-saco,afinal não ganho nada com isso,você é uma dessas adoráveis metralhadoras.Mas alguém querer dicas pra escrever,é como querer dicas pra transar bem(?)Só praticando,experimentando,e ainda assim sempre se aprende coisas novas...talted
Um abraço meu querido...

borboletapsicodelica postou 18 de dezembro de 2009 07:51

Nossa como é difícil ter assunto para blog. Idéias tenho muitas, já até passei a andar com um caderno para anota-las, mas poucas acho relevantes na hora de escrever, se não escrevo no dia, perco a inspiração, exigindo maior prática e habilidade para tornar algo simbólico em um texto expressivo.
Parabéns pelo arduo exercício de escrever todos os dias sem perder a qualidade!

delaorden postou 18 de dezembro de 2009 07:55

Concordo.Belo comentario.É dificil atualizar um blog diariamente sem cair na simples reprodução do que ja se fala em milhares de outros blogs na rede. Como vc ja disse, o segredo é postar com o coração e não pensando em visitas ou até cliques. Conteudo é a palavra chave.
Valeu, my friend !

Mulherzinhas postou 18 de dezembro de 2009 08:53

Não é fácil mesmo escrever todo dia. Por vários motivos e não somente pela falta de assunto. O tempo é um deles, mas tudo isso vai se arendendo ou não. Basta ver a quantidade de blogs abandonados por aí. Bjinhosss

Fernando postou 18 de dezembro de 2009 09:26

Atualizar blog todo o santo dia não é tarefa fácil, mas por amais clichê que seja um assunto, sempre existe maneiras de abordá-lo de um ângulo diferente.

Zambo F5 postou 18 de dezembro de 2009 10:33

realmente, ñ acompanho sempre o seu blog, mas gosto mto da maneira como vc explora os assuntos abordados. meu blog ta estacionado a alguns meses, por n motivos mas principalmente por não me dedicar a ele, pq tempo não falta. mas eu precisa alterar algumas coisas no layout e não consegui isso me estressou...

Nina postou 18 de dezembro de 2009 11:50

Concordo com você. É tudo questão de prática e treino. Esses dias achei no computador um texto de três anos atrás, ou até mesmo nos arquivos antigos do blog, e assim a gente percebe como a gente desenvolve! Pra melhor ou pra pior haha

K.Olive postou 18 de dezembro de 2009 11:50

Texto incrível!

D'Artagnan Ribeiro postou 18 de dezembro de 2009 11:57

Irmão, gostei do que escreveu. Iniciei como blogueiro mas parei exatamente por causa disso: "Falta de assunto para escrever". Suas idéias são boas e concordo quando dizem que escreve bem e que é uma metralhadora ambulante de palavras. Vou ser leitor assíduo do seu blog, quando o meu valer a pena, informarei. Um abraço.

Cesar Leão postou 18 de dezembro de 2009 12:02

Grande @mvsmotta!!
realmente, concordo contigo, escrever para um blog exige leitura! Primeiro para saber sobre o que se está escrevendo e não dizer bobagem, exceto se for opinião própria!
Começo os textos dessa forma, com uma ideia qualquer, que vem de algo que li na rede, que vi ou que me contaram, e deixo o texto fluir, sem me importar se terei muitos leitores ou não! temto sempre apimentar o conteúdo e deixar brechas para o leitor pensar e deixar a sua opinião também!
Gostei muito do texto!
Um forte abraço!!

Sara de Cerqueira postou 18 de dezembro de 2009 12:04

Concordo. A prática leva a pessoa a escrever mais e melhor, não é de uma hora para outra.
Eu escrevo mais sobre o cotidiano. Algo que me chama a atenção e vou desenvolvendo aos poucos.
Parabéns pelo texto! Pode acrescentar mais uma pessoa (eu) àquela uma dúzia que você citou nesse texto.

Fany postou 18 de dezembro de 2009 15:36

É verdade. Mas é impossível ensinar uma pessoa como se deve escrever, mas um conselho não faz mal. É claro que também tem vários fatores como: Qual tipo de leitor você quer agradar, qual é o estilo do seu blog, etc. Escrever de modo pessoal, como numa conversa, é uma ótima dica, é isso que eu faço e recomendo.

Fernanda Lizardo postou 19 de dezembro de 2009 12:19

Eu só queria saber o que estou fazendo nesse texto. Péssima referência essa sua, hein?! He, he
E deixa de ser bobo. Seu blog é o único que leio com frequência (sério!) porque é realmente bom. Vai direto ao ponto de uma forma bem gostosa de ler.
Abraço!

gutoooo postou 19 de dezembro de 2009 15:05

O maior prazer em ter um blog é a gente ficar satisfeito com aquilo que escrevemos mas como o ser humano persegue a serenidade diariamente estamos fadados a sermos espectadores de nossas próprias vidas.

New postou 20 de dezembro de 2009 07:15

Oiêee!
Desejar a você um Natal cheio de paz, harmonia, amor e muita fartura junto dos seus entes queridos e que 2010 venha repleto de alegria, realizações e de muito sucesso.
Boas Festas!
Beijos.

Stupid postou 20 de dezembro de 2009 07:35

Escrever é simplesmente fazer com que um conjunto de palavras e frases, se transforme em um texto legível. Difícil a beça, mas não impossível, com muita leitura e dedicação, mesmo que de apenas alguns minutos.

Cris Guimarães postou 20 de dezembro de 2009 09:41

Gostei do post, simples e direto como seu blog, do qual gosto muito. E, devo dizer, me animei a iniciar 2010 com meu próprio blog :)
Felicidades, feliz 2010!!!

 
Template Contra a Correnteza ® - Design por Vitor Leite Camilo